Mulher encurvada!

Certo sábado Jesus estava ensinando numa das sinagogas, e ali estava uma mulher que tinha um espírito que a mantinha doente havia dezoito anos. Ela andava encurvada e de forma alguma podia endireitar-se. Ao vê-la, Jesus chamou-a à frente e lhe disse: “Mulher, você está livre da sua doença”. Então lhe impôs as mãos; e imediatamente ela se endireitou e passou a louvar a Deus.

Lucas 13:10-13.

Imagine uma pessoa encurvada durante 18 anos. Tudo o que ela fazia deveria estar à altura dos joelhos, seus objetos, suas ferramentas de trabalho, móveis adaptados.

Jesus faz o milagre, mas se ela não mudar seus hábitos, o problema se instala novamente.

Assim é na nossa vida. Quando pedimos uma cura espiritual e ela é concedida, deveríamos refletir se o nosso comportamento está adequado para lidar com essa cura para evitar que voltemos ao mesmo problema. No que precisamos mudar?

Querido Deus, que o Espírito Santo que habita em mim me mostre, a seu tempo, as áreas da minha vida que precisam ser transformadas de acordo com os planos que o senhor tem para a minha vida.

Querido Deus, que o Espírito Santo que habita em mim me mostre, a seu tempo, as áreas da minha vida que precisam ser transformadas de acordo com os planos que o senhor tem para a minha vida.

Daniele Mary Ashikaga Bernini

 

 

 

Anúncios

Tudo é de Deus!

 

entrega-a-Deus-848x450

“Pois dele, por ele e para ele são todas as coisas. A ele seja a glória para sempre! Amém”
Romanos 11:36

 

Tudo é de Deus, todos somos de Deus. Ele sabe todas as coisas, o passado, o presente e o futuro. Ele conhece o meu coração e sabe das minhas intenções, da minha luta interior, do dilema que vivo diariamente entre entregar tudo em suas mãos e tentar resolver os problemas na minha força, que, aliás, de que adianta? Se tudo é dele, como ele poderia ter planos ruins para mim? Sua vontade é boa, perfeita e agradável, como afirma o apóstolo Paulo. Mesmo que minha carne sofra (porque isso é inevitável), ele está cuidando da minha alma, do meu espírito e da minha vida na eternidade. E ele faz isso com o mesmo amor com cada um de seus filhos, comigo e com você e, eventualmente, passamos por leves e momentâneas tribulações.

Obrigada, Pai, pela graça da salvação e por cuidar de tudo, principalmente daquilo que nossos olhos não vêem,  daquilo que é eterno.

Daniele Mary Ashikaga Bernini

PREENCHENDO O VAZIO

VAZIO
Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós, a ele seja a glória na igreja e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre! Amém!
Efésios 3:20,21

Deus nos fez com alguns vazios dentro da gente. Por conta disso, vivemos em uma busca de algo que não sabemos bem ao certo o que é. Grande parte das pessoas almeja ter bens materiais, como uma bela casa e um carro, não qualquer carro, mas O carro. Porém, esse alvo sempre muda de lugar no exato momento em que se consegue atingi-lo. É uma busca infinita quando se tenta completar o vazio com algo que nunca será preenchido com coisas.

Pense na sua vida hoje, e veja o quanto Deus já fez, o quanto você já cresceu. Nós, seres humanos imperfeitos, temos a tendência de estarmos insatisfeitos, sempre buscando algo mais. Isso não é ruim quando pensamos em sermos melhores servos, melhores cristãos, amando mais, perdoando mais, buscando preencher o vazio com o amor philos, que é o amor fraternal e o ágape, que é o amor de Deus, como disse Jesus:

Respondeu Jesus:
Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração,
de toda a sua alma e de todo o seu entendimento.
Este é o primeiro e maior mandamento.
E o segundo é semelhante a ele: Ame o seu próximo como a si mesmo.”
Mateus 22:37-39

 

Pai, que possamos confiar mais nos seus planos para nós. Tudo o que pedimos ou pensamos está muito aquém do que tens para cada um, por isso te peço que os Seus planos sejam cumpridos em minha vida.

Daniele Mary Ashikaga Bernini

MENSAGEM – 4 de maio

A oração é simples assim


Reconheça o SENHOR em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas.

Provérbios 3.6


Meu pai me deixava subir no seu colo quando dirigia! Ele seria preso por fazer isso hoje. Mas, meio século atrás, ninguém se importava com isso. Especialmente num campo de petróleo no oeste do Texas, plano como tábua, onde o número de coelhos era maior que o de pessoas.

Eu adorava aquilo. Importava o fato de eu não conseguir enxergar por cima do painel? Que meus pés ficavam a sessenta centímetros dos pedais? Que eu não sabia a diferença entre um rádio e um carburador? De modo algum. Eu ajudava meu pai a dirigir seu caminhão.

Por acaso eu tinha medo de cair na vala? De errar a curva? De raspar o pneu na guia? De modo algum. As mãos de papai estavam próximas das minhas, seus olhos mais aguçados que os meus. Consequentemente, eu era destemido! Qualquer pessoa consegue dirigir um carro no colo do pai.

E qualquer um pode orar a partir da mesma perspectiva.

A oração é a prática de se acomodar calmamente no colo de Deus e colocar as mãos em seu volante. Ele cuida da velocidade e das curvas difíceis, garantindo uma chegada segura. A oração é simples assim.


Deus gracioso, que alívio é compartilhar meus fardos e minhas bênçãos contigo. Que delícia saber que tu ouves e respondes todas as orações. Deixarei o volante nas tuas mãos.


Bom dia! Max Lucado.

MENSAGEM DE HOJE – 14 de Abril

As promessas de Deus


Este homem [Jesus] lhes foi entregue por propósito determinado e pré-conhecimento de Deus.

Atos 2.23


A jornada de Jesus a Jerusalém não começou em Jericó. Não começou na Galileia. Não começou em Nazaré. Não começou nem sequer em Belém.

A jornada rumo à cruz começou muito antes. Enquanto o som do fruto sendo despedaçado ainda ecoava no jardim, Jesus iniciava a jornada para o Calvário.

Existe uma Jerusalém em nosso horizonte? Você está a uma curta distância de encontros dolorosos? Está a apenas alguns passos dos muros do seu próprio pesar?

Aprenda uma lição com seu mestre. Não marche para a batalha com o inimigo sem primeiro clamar pela coragem das promessas de Deus. Posso lhe dar alguns exemplos?

Quando estiver confuso: “‘Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês’, diz o Senhor, ‘planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano’” (Jr 29.11).

Se você se sentir pesado em função dos erros do passado: “Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus” (Rm 8.1).

Naquelas noites em que questionar se Deus existe: “Pois sou Deus, e não homem, o Santo no meio de vocês” (Os 11.9).

Da próxima vez em que você se vir numa estrada de Jericó marchando para Jerusalém, coloque as promessas de Deus em seus lábios.


Senhor Deus, lembra-me do teu imenso poder e da tua disposição de satisfazer todas as minhas necessidades. Dá-me graça para fazer minha parte na superação das dificuldades e dá-me a sabedoria para saber quando deixar que tu faças a tua parte. Confio em ti, e descanso no teu amor.


Bom dia! Max Lucado.

MENSAGEM DE HOJE – 10 de Abril

O tempo dele é sempre o certo


Acaso Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele dia e noite? Continuará fazendo-os esperar?

Lucas 18.7


Por que Deus espera até que o dinheiro acabe? Por que ele espera até que a doença tenha tomado conta? Por que ele opta por esperar até o outro lado da sepultura para responder às orações pedindo cura?

Eu não sei. Só sei que o tempo dele é sempre o certo. Só posso dizer que ele fará o que for melhor. Ainda que você não escute nada, ele está falando. Ainda que você não veja nada, ele está agindo. Com Deus não há acidentes. Todo incidente tem o propósito de nos levar para mais perto dele.

Posso dar um ótimo exemplo? A rota direta do Egito para Israel levaria apenas cerca de onze dias a pé. Mas Deus levou os israelitas pela estrada longa, numa viagem que durou quarenta anos. Por que ele fez isso? Leia cuidadosamente a explicação: “Lembrem-se de como o Senhor, o seu Deus, os conduziu por todo o caminho no deserto, durante estes quarenta anos, para humilhá-los e pô-los à prova, a fim de conhecer suas intenções” (Dt 8.2).

Ele destruiu o orgulho dos israelitas. Testou o coração deles. Deus queria que os filhos de Israel chegassem à Terra Prometida? É claro que sim. Mas sua preocupação maior não era que eles chegassem logo, mas que chegassem preparados.


Senhor Deus, tu és digno da minha confiança. Volto-me a ti com minhas lágrimas e sei que tu ouves o clamor do meu coração. Tu ouves e tu te importas. Coloco minha completa confiança em ti. Como os céus, possa a minha vida declarar a tua glória todos os dias.


Bom dia! Max Lucado.